AÉCIO NEVES PRESIDENTE: Aécio Neves fala sobre sua posição diante da atual situação do país

aecio neves presidente

Em evento sobre os 19 anos do Plano Real, nesta segunda-feira (01), no Instituto Fernando Henrique Cardoso, em São Paulo, o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), falou, entre outras coisas, sobre a pesquisa do instituto Datafolha, divulgada no final de semana, indicando queda na popularidade de governantes.“Não foi um sinal apenas para um partido político. Sobre aquele que está no poder central, que mantém 70% do que é arrecadado sob seu controle, há uma cobrança maior. Temos que ter humildade para reconhecer esse recado, que é a toda a classe política”, afirmou.

Sobre as medidas tomadas para responder às reclamações feitas nas últimas semanas, nas manifestações que vem tomando as ruas do país, ele disse que os partidos de oposição não foram convidados a conversar  sobre a proposta de reforma política. O presidente do PSDB acredita que, diante do clamor popular, deveriam ser cortados cargos comissionados, reduzir  o número de ministérios e  suspender o  programa do trem bala.

Ainda disse que deve ser responsabilidade do Congresso discutir os temas da reforma política e voltou a defender a ideia de referendo. Ele faz ressalvas ao envio da proposta de plebiscito ao Congresso: “Acho que existe uma base no Congresso suficientemente ampla, uma base governista e nós não seríamos objeção a isso, capaz de votar em um espaço de tempo curto, pelo menos parte dessas propostas. Na minha avaliação, é responsabilidade do Congresso discuti-la e gostaria de vê-la aprovada em um referendo”, afirmou.

Aécio disse concordar com o fim da reeleição e aumento da duração do mandato de quatro para cinco anos.  “Apresentei em 1989 um projeto que ainda está na Câmara dos deputados nesta direção. Me parece mais adequado, não há pressão da reeleição e utilização do Estado para garantir mais um mandato para quem está no poder. Eu acho que é  mais republicano um mandato de cinco anos sem direito à reeleição.  Agora é preciso que a maioria governista também compreenda  que ele é importante”, afirmou.

Tags: , , , , , , ,

Deixe aqui sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: